fbpx

Você às vezes se pergunta quais soluções oferecidas pela sua agência trazem os melhores resultados? Ou gostaria de descobrir quais serviços precisam de uma reformulação, mas não sabe como identificá-los? Se estas questões nunca se passaram pela sua cabeça, saiba que isso precisa mudar! Se já, a resposta para elas é simples: Matriz BCG!

A gestão de uma agência de publicidade tem muitas características bem particulares do nicho. Mas em alguns aspectos, deve ser tratada como qualquer outro negócio. E um deles é a avaliação dos produtos e serviços oferecidos para os clientes.

Conhecer suas soluções e ter conhecimento de como elas são recebidas pelo público, bem como da forma como cada uma delas impacta a rentabilidade do negócio é indispensável. Somente desta forma é possível identificar os elos fracos do seu mix de produtos e manter uma cartela de serviços que agregue valor aos negócios dos seus clientes, e ao seu também!

Mas a grande questão é que falar muitas vezes é mais fácil que fazer, não é mesmo? Afinal de contas, na prática, realizar uma análise das suas soluções de forma objetiva e com segurança nos resultados não é assim tão simples, mas é um passo essencial para o aprimoramento da sua agência e para o ganho de diferencial competitivo.

E é aí que entram as técnicas e metodologias de gestão. Elas proporcionam a capacidade de avaliar diferentes aspectos do seu negócio de forma estruturada e comprovada. Desta forma você pode confiar nos resultados e utilizá-los como base para a reformulação dos seus serviços e para uma gestão mais assertiva da sua agência.

E uma das mais eficientes ferramentas de gestão para agências de publicidade é a Matriz BCG. Ela permite enxergar muito além da receita gerada por cada serviço, propiciando uma visão muito mais específica de como cada solução impacta a rentabilidade do seu negócio.

Ficou curioso? Então continue com a gente, pois neste artigo você vai aprender o que é Matriz BCG e como aplicá-la na sua gestão!

O que é Matriz BCG?

O termo Matriz BCG refere-se ao Boston Consulting Group, empresa de consultoria de negócios que criou o método, estando entre as três que mais faturam no mundo. Ou seja, eles provavelmente sabem do que estão falando, não é mesmo?

Ela é nada mais do que uma ferramenta de análise de desempenho que permite à sua agência aferir a aceitação dos clientes quanto aos seus serviços. Com base nos resultados da Matriz BCG, você saberá quais soluções oferecidas trazem maior retorno para o seu caixa e quais podem melhorar ou devem até mesmo ser eliminadas do seu portfólio.

Ela é elaborada no formato de um plano cartesiano onde os eixos são a Participação Relativa no Mercado e o Crescimento do Mercado. Estes são eixos são divididos em Alta (o) e Baixa(o). Ou seja, após a montagem da sua Matriz BCG, você terá quatro quadrantes, representados por figuras:

  • Participação e Crescimento no Mercado Altos: estrela;
  • Participação e Crescimento no Mercado Baixos: abacaxi;
  • Participação Alta e Crescimento Baixo: vaca leiteira;
  • Participação Baixa e Crescimento Alto: interrogação.

Quer saber mais sobre como aferir resultados dentro do seu negócio, de forma objetiva? Conheça o método 5W2H!

O que são as figuras da Matriz BCG?

Estrela

Este quadrante reúne, literalmente, as estrelas do seu portfólio. Aqui estão os produtos que trazem alto faturamento para o seu negócio. Mas atenção: eles também requerem investimentos vultosos para terem bom alcance.

Vaca leiteira

A palavra-chave para entender as vacas leiteiras da sua agência é rentabilidade. Aqui estão as soluções que trazem bom faturamento, mas não geram tantos custos. São os serviços que têm grande procura e também boa aceitação do público.

No momento em que vivemos, muitas das suas soluções em Marketing Digital devem estar dentro deste quadrante.

Interrogação

No quadrante da Interrogação você vai reunir soluções que ainda não têm dados consistentes de faturamento para análise. Tipicamente são os novos serviços que você está testando. Por isso, futuramente você vai ter de reavaliá-los.

Abacaxi

Nem precisamos dizer mais nada, não é mesmo? Abacaxi é abacaxi. Estes serviços na melhor das hipóteses não geram lucros, na pior delas estão provocando prejuízos. Sua permanência no portfólio deve ser considerada cautelosamente. Se for necessário um grande investimento para triá-los dessa seção da Matriz BCG da sua agência, é melhor removê-los do mix de produtos.

Como aplicar a Matriz BCG na agência de publicidade

Você provavelmente já faz uma ideia de como é feita a aplicação da Matriz BCG. Mas vamos te dar a seguir algumas dicas práticas em um passo a passo pra você começar o processo com confiança:

1. Liste suas soluções

Faça literalmente uma lista de todos os serviços oferecidos pela sua agência. Aqui, o pulo do gato é a forma como você vai organizá-los: ordem crescente de volume de vendas.

Por exemplo:

1. Serviço de agenciamento de mídia tradicional (jornal/ TV);

2. Filmagem com Drone;

3. Pacote de Marketing Digital completo;

4. Pacote de Redes Sociais.

E assim por diante.

2. Monte a Matriz

Reserve o eixo X para Participação Relativa no Mercado e o eixo Y para Crescimento no Mercado. O primeiro deve ser numerado de 10x a 0,1x, da esquerda pra direita. O segundo deve ser numerado de 0 a 20%.

3. Posicione seus produtos na Matriz BCG

Eixo Y (Crescimento no Mercado): marque onde você acredita que vai estar nos próximos meses.

Por exemplo, digamos que você tenha uma solução específica para gerenciamento de TikTok, e acredita que a procura vai aumentar devido à popularização da rede, por isso, vai marcar um posicionamento próximo de 20%.

Eixo X (Participação Relativa): compare seu faturamento com o da concorrência. Se você fatura 100 mil em Pacotes de Marketing Digital e o seu concorrente direto fatura 200 mil, sua participação relativa é de 0,5.

Após realizar este processo, todos os seus produtos devem estar distribuídos nos quadrantes da matriz.

4. Analise o resultado e defina ações

Agora que você já tem seus produtos posicionados na Matriz BCG, avalie os resultados para definir ações para cada um deles. Reveja a conceituação que fizemos de cada quadro lá no início do artigo para entender melhor suas implicações e detectar as melhores estratégias para cada produto.

Por exemplo: você já sabe que um serviço é um abacaxi. No entanto, ele está bem próximo do quadrante da vaca leiteira. Isso significa que com alguma reformulação ele pode permanecer no portfólio e gerar boa rentabilidade. Avalie se há alguma estratégia para salvá-lo ou se é melhor eliminar esta solução do seu mix de produtos.

Pronto para botar a mão na massa e otimizar a gestão da sua agência de publicidade? Então descubra como melhorar a automação de processos na sua agência para obter os melhores resultados com as ações planejadas a partir da Matriz BCG!

Open chat
1
Olá! 👋 Podemos te ajudar?
Olá! 👋
Podemos te ajudar?