fbpx

Quanto mais a tecnologia cresce, mais novidades aparecem nos contextos atuais. Afinal, o desenvolvimento oferece inúmeras formas de uma sociedade evoluir. Nesse quesito, podemos perceber um termo bastante utilizado nas mídias: o famoso metaverso.

Por se tratar de uma modalidade que irá mudar completamente as ações humanas e mercadológicas, muita gente ainda tem dúvidas sobre o conceito e a funcionalidade do metaverso.

Quer saber mais sobre o assunto? Confira o nosso post de hoje e tire todas as suas dúvidas sobre esse novo universo.

Afinal, o que é o metaverso?

Antes de tudo, podemos definir que o metaverso nada mais é do que um conceito que foi criado para representar uma realidade virtual. No metaverso, será possível criar o seu próprio avatar e interagir com pessoas e processos, como realizar compras em shoppings, fazer faculdade, ir a shows, workshops e outros tipos de eventos sociais. Portanto, se tratando do metaverso, tudo gira em torno de uma realidade 100% virtual.

No entanto, o conceito do metaverso não é uma ideia relativamente nova. Sabe-se que o metaverso foi dito pela primeira vez no ano de 1992 em um livro do Neal Stephenson. Em seu livro, o contexto gira em torno da possibilidade de que as pessoas terão que “fugir” para outro mundo, totalmente diferente do seu contexto real e atual.

Como o metaverso funciona?

Conforme vimos aqui, sabemos que a proposta do metaverso é fazer com que as pessoas participem de um mundo virtual, e lá, poder fazer basicamente o que fazemos aqui na vida real. No entanto, para que esse acesso seja possível, é necessário que o usuário crie um avatar para acessar o ambiente virtual.

Muito antes disso, a pessoa deve dispor de um equipamento para entrar no metaverso, que são os óculos de realidade aumentada. Na questão dos detalhes de acesso, esse processo irá depender exclusivamente do tipo de metaverso que o usuário estará acessando no momento. No entanto, o objetivo geral é que as pessoas possam fazer basicamente de tudo em um ambiente como esse.

Tendo os óculos de realidade virtual aumentada com apoio de outros instrumentos, os usuários poderão obter uma experiência ainda melhor de uso na plataforma. Como tudo ainda se encontra um pouco recente, devemos esperar coisas novas em breve.

O que você poderá fazer no metaverso

Agora que você já sabe o conceito e a funcionalidade do metaverso, vamos conhecer algumas ações que podem ser feitas nesse ambiente virtual com realidade aumentada:

1. Entretenimento

Antes de tudo, uma das primeiras possibilidades que teremos com a entrada do metaverso é, sem dúvidas, o entretenimento. Afinal, os jogos já são considerados um expoente desse tipo de diversão, mas irão existir outras possibilidades, como por exemplo, a possibilidade de ingressar em shows.

Caso você não saiba, já tivemos essa experiência antes, quando a cantora Ariana Grande realizou uma apresentação em tempo real para o lançamento do jogo Fortnite. Além desse, também tivemos outro episódio, que juntou cerca de 10 milhões de pessoas para o lançamento de uma música do rapper Travis Scott.

2. Trabalho

Em decorrência da pandemia ocasionada pelo novo coronavírus (Covid-19), percebemos uma modalidade de trabalho cada vez mais frequente: o famoso home office. Afinal, trabalhar de forma remota e de casa, não apenas gera segurança para o colaborador, mas oferece benefícios às empresas, como redução de custos com infraestrutura, transporte, alimentação, entre outros.

Atentando-se a essa tendência, o metaverso também irá explorar essa modalidade de trabalho. As reuniões online, conversas com outros colaboradores e superiores imediatos poderão ser virtuais, como se realmente estivéssemos na empresa.

Atualmente, a Microsoft já tem o seu próprio metaverso voltado para o setor corporativo, e essa ideia acabou evoluindo pelo uso frequente de apps teams, comumente utilizados para gerar reuniões online.

3. Conteúdo

Outra questão que não vai ficar de fora do metaverso é a criação de conteúdo. Com isso, já existem excelentes empresas e produtoras que enxergam uma excelente forma de rentabilidade no metaverso. Estúdios cinematográficos, como a Disney e até mesmo plataformas de streaming, como Netflix, já estão de olho em uma possível imersão 3D nos conteúdos!

Como podemos nos beneficiar do metaverso?

Em geral, o metaverso pode nos proporcionar excelentes benefícios. Não somente no âmbito pessoal — que envolve o lazer e satisfação — mas como também o lado profissional. Pegar trânsito para chegar e voltar do trabalho poderá ser uma “realidade distante” com a entrada do metaverso.

Além disso, pessoas portadoras de alguma deficiência conseguirão se beneficiar de forma eficiente na realidade virtual. Afinal, elas não terão dificuldades para sair de casa, enquanto poderão trabalhar, se relacionar com pessoas e fazer transações financeiras em um mundo completamente novo e acessível.

Sem contar que novas oportunidades poderão se abrir para o contexto da Educação e aprendizado, além do e-commerce e as novas formas de consumo. Empresas de tecnologia, por exemplo, podem dispor do metaverso para criar diferentes soluções de ensino que são baseadas em realidade virtual.

Entretanto, um obstáculo que ainda precisa ser vencido — especialmente em nosso país — é a infraestrutura tecnológica. Afinal, para recebermos o metaverso e democratizá-lo de uma maneira mais rápida, será necessário velocidade de internet considerável em todas as áreas. Para dados móveis, o 5G deverá oferecer sinal em todas as regiões, a fim de que a experiência seja ainda melhor.

Conclusão

Em resumo, entender o mundo do metaverso nos ajuda a prever um futuro mais acessível e democrático, uma vez que todos podem participar. Além disso, também podemos perceber a facilidade de empresas para conduzirem suas atividades internas, e além disso, oferecer produtos e serviços de qualidade aos seus clientes finais.

O relacionamento entre empresas e consumidores se tornará muito mais acessível, e as campanhas para prospecção serão muito mais eficientes. Portanto, vale a pena acompanhar as principais novidades do metaverso e desde já se preparar para entrar em um novo mundo, com novas possibilidades.

Este artigo foi útil? Compartilhe!

Abrir conversa
1
Olá! 👋 Podemos ajudar?
Olá! 👋 Podemos ajudar?